• Rua Cel. Gabriel Bastos, 371 - Centro - Passo Fundo - RS
  • Seg à Sex 09-12h/13h30-18h

Tags: Cirurgia Plástica

Lipoenxertia, procedimento de ponta.

A lipoenxertia, ou enxerto de gordura tem como objetivo repor o volume da face. O tecido adiposo está depositado em diferentes locais da face na forma de pilares que sustentam a pele. Após os 35 anos, esse tecido é absorvido fazendo com que a pele perca a sustentação e em consequência da gravidade acabe “caindo”.

O tratamento consiste na retirada da gordura, através da lipoaspiração, de locais onde as células adiposas possuem características similares aquelas da face. Usualmente a gordura do submento, vulgarmente chamada de papada, da face interna dos joelhos ou ainda da face interna dos braços são as áreas de escolha para a coleta de gordura.

Após a retirada esse tecido é processado através de centrifugação com o objetivo de separar os diferentes materiais retirados da área doadora. São descartados o sangue, o soro, e as células rompidas. Apenas as células adiposas vivas, colágeno e demais células que estimulam os tecidos quando enxertadas, como as células tronco, são aproveitadas para repor o volume perdido. O tratamento da gordura depois da retirada é de extrema importância na qualidade do enxerto e consequente durabilidade dos resultados.

A enxertia é realizada seguindo a anatomia normal da face jovem, onde esses pilares são reestruturados e a voltam a sustentar a pele. A técnica cirúrgica também tem grande importância para a durabilidade dos resultados, devendo ser realizada de forma que as células e tecidos enxertados sejam integrados ao novo local mantendo a sua viabilidade.

O aspecto final do tratamento deve ser o mais natural possível, o tratamento realizado de forma correta não deve ser facilmente perceptível por pessoas leigas. Quando o tratamento é realizado de forma não ideal, sem bases anatômicas, acaba gerando resultados artificiais que são facilmente visíveis. A popularização da “harmonização facial” realizada principalmente com o uso de ácido hialurônico é a responsável pela maioria dos casos estigmatizados de preenchimentos faciais.

Um tratamento natural, baseado em pilares anatômicos faz uso de 40ml a 70ml de gordura, volume muito superior aos 5ml a 10ml utilizados usualmente nos preenchimentos com acido hialurônico. Esse volume superior e o seu posicionamento mais profundo e estruturado tornam o resultado da lipoenxertia duradouro e principalmente sem estigmas.

Vale ressaltar que a absorção de gordura não ocorre de forma isolada, outras alterações como flacidez de pele, alterações de textura como manchas e linhas de expressão e flacidez muscular se associam em graus variáveis. Um tratamento de qualidade deve abordar todas as alterações conforme a sua gravidade para proporcionar resultados naturais e de qualidade.

Você é único, o seu tratamento também!

A cirurgia plástica hoje é acessível a uma grande parcela da população, informações relacionadas também são disponibilizadas por meios de comunicação e de forma massiva em redes sociais. Ao mesmo tempo o número de cirurgiões plásticos legalmente habilitados, outros médicos e demais profissionais que atuam na área tem aumentado de forma exponencial. Esse cenário, infelizmente tem mostrado um efeito colateral, a percepção de forma equivocada por parte da população que a área é uma especialidade simples e rotineira. É comum o marketing e até a venda de tratamentos, realidade que não concordo e trabalho para descontruir, vou explicar.

A cirurgia plástica deve ser tratada como deve ser, uma especialidade médica. O tratamento proposto é uma consequência, não o item inicial de uma relação médico paciente. Um tratamento de sucesso inicia com o diagnóstico das reais anormalidades, da fisiologia, da anatomia, do paciente como um todo. Em seguida o tratamento ideal para solucionar aquelas alterações diagnosticadas é indicado. Cabe ao médico executar o diagnóstico mais acurado e acompanhar as diferentes fases do tratamento junto do paciente.

Quanto mais capacitado, experiente e hábil for o profissional, mais efetivo será o resultado final do tratamento realizado, assim também é na cirurgia plástica. Por mais informado que seja o paciente, ele nunca conseguirá escolher de forma correta qual o tratamento que deverá realizar, é como um paciente com qualquer doença solicitar ao médico que realize um tratamento especifico por ter visto na web ou por alguém ter realizado. A participação do paciente sempre é de extrema importância, porem a condução para o sucesso cabe ao médico.

Seguindo esse conceito, a cirurgia plástica deve ser vista e tratada com seriedade. Cabe aos pacientes lembrarem que são únicos, como também é único o seu tratamento.

O que você procura?
Abrir chat
Podemos te ajudar?
Olá, podemos te ajudar?